Com show de Ronaldinho, Atlético-MG goleia o Figueirense, com direito a maior goleada do Brasileirão

6 10 2012

Ronaldinho marca três vezes e o Galo goleia o Figueira por 6 a 0

Por Stéfano Bruno

Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press

Com participação em cinco, dos seis gols do Atlético, Ronaldinho foi o grande nome da partida (Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press)

Com show do Ronaldinho Gaúcho, que marcou três gols, o Atlético goleou o Figueirense por 6 a 0, na noite deste sábado (06). Réver, Bernard e Carlos César marcaram os outros gols do Galo na partida.

O Galo volta a campo na próxima quarta-feira (10), onde visita o Internacional, às 22h (de Brasília). Já o Figueirense recebe o Figueirense, também na quarta-feira, às 19:30 (de Brasília).

Crônica da partida

Querendo vencer para tentar se reaproximar do Fluminense, o Atlético começou exercendo uma enorme pressão sobre o Figueirense, que tentava responder nos contra-ataque, sempre puxados pelo bom atacante Aloísio.

A pressão do Galo era muito forte, e a equipe alvinegra não demorou a abrir o placar. Aos 11min, Ronaldinho recebeu a bola na ponta esquerda e com muita visão e categoria, bateu por cobertura, surpreendendo o goleiro Wilson, que se posicionava para cortar um possível cruzamento. Golaço! 1 a 0.

HOME Gol do Ronaldinho - Atlético-MG x Figueirense (Foto: Gil Leonardi)

Após marcar o seu primeiro gol na partida, Ronaldinho não conteve as lágrimas (Foto: Gil Leonardi/Lancenet!)

Mesmo após abrir o placar o Galo continuou pressionando o Figueirense, que continuava com a mesma proposta de jogo de antes. Com isso, o Atlético acabou ampliando o placar, aos 23min. Após cobrança de falta pelo setor esquerdo, Ronaldinho levantou a bola a bola na área e Réver cabeceou firme, sem chances de defesa para o goleiro Wilson. 2 a 0.

O Atlético tinha total domínio da partida e não fazia muito esforço para chegar aos gols. Aos 30min, Ronaldinho foi derrubado na entrada da área. O próprio meia bateu e ampliou ainda mais o placar. Com muita categoria, o craque bateu rasteiro, por baixo da barreira, que saltou na tentativa de evitar o gol. 3 a 0.

Um minuto após ampliar o placar, o Figueirense perdeu o volante Jackson, expulso após receber o segundo cartão amarelo na partida.

Mesmo com boa vantagem no placar o Galo continuava em cima do Figueira, e teve duas chances de ampliar. Na primeira, aos 38min, Bernard recebeu livre na área e bateu na saída de Wilson, que fez boa defesa. Um minuto depois, Júnior César cruzou pela esquerda, Jô cabeceou e o goleiro da equipe catarinense quase aceitou um frango. O arqueiro foi salvo pelo travessão.

No final do primeiro tempo o Galo ainda teve novas chances de ampliar o placar, mas Jô e Bernard desperdiçaram grandes oportunidades.

Segundo tempo

A segunda etapa mal começou e o Figueirense quase diminuiu a desvantagem, logo aos dois minutos. Júlio César recebeu bom passe na esquerda e bateu cruzado. Victor fez boa defesa.

Quatro minutos depois, Helder fez grande jogada pela esquerda e tocou encobrindo o goleiro atleticano. A bola pegou na trave, evitando o que seria um golaço do Figueirense.

AO VIVO: siga os lances do duelo entre Atlético e Figueira (EM/D.A. Press)

Ronaldinho comemorou junto ao Réver um dos gols do Atlético (Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press)

Com o passar do tempo o Atlético recuperou o domínio da partida e, aos 16min, Jô foi derrubado na área e o árbitro Guilherme Ceretta de Lima marcou pênalti. Ronaldinho cobrou e ampliou ainda mais o placar. 4 a 0.

Cinco minutos depois, o Atlético chegou ao quinto gol. Ronaldinho fez grande jogada pelo meio e deixou o Bernard livre na área. O jovem meia dominou e bateu firme, no canto direito de Wilson. 5 a 0.

Aos 27min, Bernard recebeu grande passe, novamente na cara do gol, mas dessa vez Wilson saiu do gol e fez boa defesa.

O Galo seguia no mesmo ritmo, desperdiçando muitas oportunidades, mas sempre que caprichava na finalização, chegava ao gol. Foi assim aos 36min, quando Carlos César recebeu a bola na entrada, aplicou um chapéu no seu marcador e finalizou no canto esquerdo de Wilson. Golaço! 6 a 0.

Após o sexto gol, a equipe alvinegra apenas administrou o resultado, que até o momento, é o maior placar do campeonato.

ATLÉTICO-MG 6 X 0 FIGUERENSE

Local: Independência, Belo Horizonte (MG)
Data/hora: 06/12/2012 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Auxiliares: Bruno Salgado Rizo e Daniel Paulo Zioli
Renda/Público: R$521.201,00/16.952 pagantes.
Cartões amarelos: Victor (ATL); Jackson, Túlio e Júlio César (FIG)
Cartão vermelho: Jackson (32’/1ºT)

Gols: Ronaldinho Gaúcho, 12’/1ºT(1-0), Réver, 23’/1ºT (2-0), Ronaldinho Gaúcho, 30’/1ºT(3-0), Ronaldinho Gaúcho, 17’/2ºT(4-0), Bernard, 27’/2ºT(5-0) e Carlos César, 36’/2ºT (6-0).

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha (Carlos César – 30’/2ºT), Réver (Richarlyson – 19’/2ºT), Rafael Marques e Junior Cesar; Serginho (Danilinho – 33’/2ºT), Fillipe Soutto, Guilherme, Ronaldinho Gaúcho e Bernard; Jô – Técnico: Cuca.

FIGUEIRENSE: Wilson, Elsinho, João Paulo, Sandro, Helder, Jackson, Tulio (Coutinho – 29’/2ºT), Claudinei, Guilherme Lazaroni (Júlio César – intervalo), Almir (Botti – 18’/2ºT) e Aloisio – Técnico: Márcio Goiano.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: