Mercado de transferências na França: Bilionários investem pesado em centroavantes

7 09 2013

Com investimento mais baixo, Lyon e Marselha jogam para surpreender na Ligue 1

Por Gustavo Soler

Paris Saint-Germain

Furacão Cavani será o novo companheiro de ataque do sueco Ibrahimovic (Foto: Getty images)

Furacão Cavani será o novo companheiro de ataque do sueco Ibrahimovic (Foto: Getty images)

Atuais campeões do Ligue 1, o bilionário sheik Nasser investiu 113 milhões de euros para montar uma equipe que brigará com os gigantes europeus pelo título da Champions League. A principal contratação do time da capital francesa foi o atacante uruguaio Cavani. O camisa 9 custou 63 mi aos cofres do PSG.

Ao lado de Cavani, garotos Digne e Marquinhos são as apostas do PSG (Foto: Divulgação / Site oficial do PSG)

Ao lado de Cavani, garotos Digne e Marquinhos são as apostas do PSG (Foto: Divulgação / Site oficial do PSG)

Junto com o centroavante, o Paris Saint-Germain investiu em dois jovens que apareceram muito bem na última temporada. Um deles foi o brasileiro Marquinhos, ex-Corinthians e peça fundamental no sistema defensivo da Roma em 2013. O novo camisa 5 custou 35 milhões de euros. O outro garoto é o lateral esquerdo francês Digne. Por 15 mi os campeões nacionais o trouxeram do Lille.

Time base: Sirigu, Jallet (Van Der Wiel), Thiago Silva, Marquinhos e Maxwell (Digne); Verratti, Matuidi, Lucas e Pastore; Ibrahimovic e Cavani.

Técnico: Laurente Blanc.

Expectativa na Ligue 1: Título.

Olympique de Marselha

Com o vice-campeonato na última temporada, a equipe do Marselha corre por fora na disputa pelo título do Campeonato Francês com os bilionários PSG e Mônaco. A equipe treinada por Élie Baup apostou em jovens promessas do país para esta temporada, sendo a principal contratação o meia-atacante Payet, ex-Lile.

Além do Payet, o Marselha também trouxe o seu companheiro de ataque Thauvin por 15 milhões de euros. O lateral esquerdo Mendy, ex-Le Havre, o volante Imbula, ex-Guingamp, e o atacante Lemina, do Lorient, também chegaram ao clube.

Time base: Mandanda, Fanni, N’Koulou, Diawara (Lucas Mendes) e Morel; Cheyrou, Imbula, Payet, Valbuena e André Ayew; Gignac (J. Ayew).

Técnico: Élie Baup.

Expectativa na Ligue 1: Vaga na Champions League.

Lyon

Mantendo a base na última temporada e apostando no talento dos seus jogadores da base, o Lyon não teve grandes investimentos na temporada, tendo contratado apenas o lateral esquerdo Bedimo, do Montpellier, por 2 milhões e euros e pego por empréstimo o lateral direito Miguel Lopes.

Time base: Anthony Lopes, Miguel Lopes, Bisevac, Umit e Bediimo; Gonalons, Mvuemba, Gourcuff e Grenier; Lacazette e Gomis.

Técnico: Rémi Garde.

Expectativa na Ligue 1: Vaga na Champions League.

Mônaco

Falcão foi a grande contratação da equipe do principado (Foto: Getty images)

Falcão foi a grande contratação da equipe do principado (Foto: Getty images)

A equipe se tornou o novo bilionário sensação da temporada. Após o regresso à primeira divisão da França, o Mônaco investiu para montar um time forte e competitivo. A principal contratação foi o atacante Falcão, ex-Atlético de Madri, custando 60 milhões de euros.

Companheiros de Falcão no Porto, James Rodriguez e João Moutinho também são destaques do novo rico (Foto: Divulgação / Site oficial do Mônaco)

Companheiros de Falcão no Porto, James Rodriguez e João Moutinho também são destaques do novo rico (Foto: Divulgação / Site oficial do Mônaco)

Além do centroavante, o também colombiano James Rodriguez, do Porto, e o seu companheiro João Moutinho chegaram ao time do principado. Os experientes Ricardo Carvalho, Toulalan e Abidal chegaram à Mônaco para serem os líderes do time. Além deles, os jovens Kondogbia e Martial, e o goleiro argentino Romero foram apresentados ao clube.

Time base: Romero, Fabinho, Ricardo Carvalho, Raggi (Kurzawa) e Abidal; Toulalan, Kondogbia, João Moutinho; James Rodriguez, Falcão e Ocampos.

Técnico: Claudio Ranieri.

Expectativa na Ligue 1: Título.





PSG paga R$90 milhões para comprar zagueiro Marquinhos

18 07 2013

Revelação do Corinthians, defensor da Roma chamou a atenção do time francês

Por Luiz Queiroga

Joia rara! Marquinhos pode render a Roma R$90 milhões (Foto: AFP)

O Paris Saint-Germain confirmou nesta quinta-feira (18) mais uma transação que entrará para a história do futebol mundial. O clube francês pagou à vista R$90 milhões para contratar o “desconhecido” zagueiro Marquinhos, que está na Roma.

O defensor foi revelado pelo Corinthians, que em poucas partidas pelo clube chamou a atenção dos italianos e foi contratado por empréstimo, no segundo semestre do ano passado. Ao final do contrato, a Roma exerceu o direito de compra e desembolsou R$13 milhões para compra-lo por definitivo.

EM PARIS: Cavani assina contra de cinco temporadas com o PSG

O PSG ofereceu um contrato de cinco temporadas por Marquinhos, que já tinha aceitado a proposta. Em função da rápida passagem pelo futebol brasileiro defendendo o Corinthians, poucos torcedores conhecem o zagueiro e até mesmo se assustam com o valor oferecido pelo gigante de Paris. O Timão, inclusive, arrecadou cerca de R$7 milhões na transação, por ser o clube formador do atleta.





Com a entrada de Messi, o Barcelona empata com o PSG e vai as semifinais da Liga dos Campeões

11 04 2013

Time do Barcelona reage após entrada de Messi e se garante na próxima fase

Por Camila Andrade

O Barcelona iniciou a partida, no Camp Nou, na Espanha, nesta quarta-feira (10), contra o Paris Saint-Germain, sem Messi em campo. Mas no segundo tempo, o craque do time espanhol entrou e mudou o clima do jogo, que findou com o empate em 1 a 1 e garantiu aos catalães a sexta participação seguida a equipe nas semifinais da Liga dos Campeões, já que o primeiro confronto das quartas de finais terminou em 2 a 2, no estádio Parc des Princes.

Lionel Messi, com problemas musculares na coxa direita, ficou entre os reservas no primeiro tempo e viu sua equipe dominar o jogo na parte ofensiva, nos minutos iniciais. Logo aos dois minutos, Xavi, em cobrança de falta por cima da barreira, mandou a bola pelo lado direito do gol, mas Sirigu conseguiu fazer a defesa.

Poupado, Messi entrou logo após o gol do PSG e levou o Barça ao empate (Foto: AP)

Após a tentativa de inaugurar o placar, os catalães tentaram superar a marcação do adversário e sem muita objetividade na troca de passes, passou a ver o PSG ir mais ao campo de ataque. O brasileiro Lucas, já após a metade da primeira etapa, aos 29 minutos, cabeceou, mas Victor Valdés, seguro, conseguiu evitar o gol dos franceses. Mas foi desta forma, sem gols e sem um jogo brilahnte, que as duas equipes desceram ao vestiário.

Pedro comemora seu gol, o da classificação (Foto: Jose Jordan/AFP)

A volta do intervalo assustou o Barcelona. Logo aos cinco minutos, em tabela entre Pastore e Ibrahimovic, no meio-campo, o jogador argentino arrancou e chegou veloz na área mandando um chute para redes, abrindo o placar da partida. Com o gol, Tito Vilanova, mandou Messi ao aquecimento e aos 19 minutos, sacou Fábregas, apagado no jogo, para a entrada do principal jogador catalão, fazendo grande diferença no ritmo de jogo do time da casa.

Sem poder de reação, após a visível mudança do Barcelona em campo, o PSG apostava somente nos contra-ataques, para tentar ampliar o marcador. Mas, Messi, não entrou em campo a toa e aos 25 minutos, o camisa 10 dominou a bola no campo intermediário e mandou a bola para Villa, que estava dentro da área. Ele ajeitou e lançou para Pedro que com um chute forte, empatou a partida.

As alterações do Paris Saint-Germain, não surtiram efeito. O técnico italiano, tirou Lavezzi e Verratti para as entradas de Gameiro e Beckham, mas os franceses permaneceram acuados e o Barça conseguiu segurar o empate até o fim da partida, e os quase 100 mil torcedores, viram o time se garantir nas semifinais da competição continental.

Nesta sexta-feira (12), na sede da Uefa em Nyon, na Suíça, será realizado o sorteio que define os confrontos para a próxima fase.  Real Madrid, da Espanha, Bayern de Munique e Borussia Dortmund, da Alemanha, também se classificaram. As partidas serão realizadas em 23, 24 e 30 de abril, e também em 1 de maio.

FICHA TÉCNICA
BARCELONA 1X1 PARIS SAINT-GERMAIN

Local: Camp Nou, em Barcelona (ESP)
Data-hora: 10/04/2013, às 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Björn Kuipers (HOL)
Auxiliares: Sander van Roekel (HOL) e Erwin Zeinstra (HOL)

Gols: Pastore (05’/2ºT), Pedro (25’/2ºT)

Cartões amarelos: Adriano (BAR), Lavezzi, Thiago Silva, Beckham (PSG)

BARCELONA: Valdés, Daniel Alves, Piqué, Adriano (Bartra, 16’/2ºT) e Alba; Busquets, Xavi e Iniesta; Fàbregas (Messi, 16’/2ºT), Villa (Song, 38’/2ºT) e Pedro. Técnico: Tito Vilanova

PARIS SAINT-GERMAIN: Sirigu, Jallet (Van der Wiel, 43’/2ºT), Alex, Thiago Silva e Maxwell; Thiago Motta, Verratti (Beckham, 37’/2ºT), Lucas e Pastore; Lavezzi (Gameiro, 35’/2ºT) e Ibrahimovic. Técnico: Carlo Ancelotti





Sorteio das quartas de finais coloca Ibrahimovic contra o Barcelona

15 03 2013

Se as bolinhas não foram favoráveis com o Barça, para o Real Madrid foi só alegria

Por Gustavo Soler

PSG x Barcelona e Bayern x Juventus foram os destaques do sorteio (Foto: Reprodução)

Nesta sexta-feira (15), ocorreu o sorteio para as quartas de finais da UEFA Champions League, na Suiça. Os gigantes europeus Barcelona, Bayern de Munique, Juventus e Real Madrid eram os mais temidos pelos demais participantes e também entre eles. Por outro lado, a expectativa dos principais times era encarar Galatasaray e Malaga, que eram os times menos expressivos entre os oitos clubes. O sorteio colocou dois grandes confrontos: PSG e Barcelona, e Bayern de Munique e Juventus.

Principais apostas do futebol alemão, Reus e Götze são as apostas para o time voltar as semifinais (Foto: Dapd)

O primeiro jogo sorteado foi entre Málaga, estreante no torneio, contra o bicampeão Borussia Dortmund. Na fase anterior, os espanhóis se classificaram na raça, com direito ao ator Antonio Banderas se desesperar nas arquibancadas do estádio La Rosaleda, jogando contra o Porto que era favorito para avançar. Por outro lado, o time sensação da temporada empatou com o Shaktar fora de casa e em seus domínios, mostrou toda a sua força e venceu por 3 a 0. O primeiro confronto será na cidade de Málaga, no dia 2 de abril.

Ator de Hollywood vibrou demais com o segundo gol do Málaga (Foto: Reprodução)

)

Com uma atuação de “Messi” sobre o Milan, o camisa 10 busca a sua sexta semifinal de Champions League seguida (Foto: Getty images)

No mesmo dia do jogo entre Málaga e Borussia Dortmund, as bolinhas também colocaram frente a frente Paris Saint-Germain e Barcelona. Os franceses comandados pelo sueco Ibrahimovic e contando com a boa fase de Lucas, venceram bem o Valencia jogando na Espanha, porém, em seus domínios sofreram para se classificarem e não conseguiram colocar o seu favoritismo em prática. Já os catalães foram, pela primeira vez desde a era Guardiola, colocados como duvida para avançarem as quartas de finais. Após a derrota em Milão para os Rossoneros e jogando muito mal, o time de Messi e companhia se mostrou muito abatido, e dias depois uma eliminação para o arquirrival Real Madrid pela Copa do Rei tumultuaram o ambiente barcelonista. No entanto, a partida da volta contou com Messi inspiradíssimo e com um time muito forte e com vontade de vencer, não dando chances aos italianos, que perderam por 4 a 0.

 

Duvida para o confronto, Ibrahimovic pode encarar o seu ex-clube (Foto: Getty images)

 

Principal jogador merengue, Cristiano Ronaldo deve encontra vida fácil contra a defesa do Galatasaray

Um dos gigantes europeu comemorou demais o sorteio na Suiça. O Real Madrid, que vive uma boa fase e se classificou para as quartas de finais após dois confrontos de tirar o folego contra o Manchester United, desta vez terá uma vida mais tranquila no principal torneio de clubes do mundo. O adversário dos merengues será o Galatasaray, que mesmo com Drogba, Snejider e Yilmaz artilheiro da Champions League, ao lado de Cristiano Ronaldo, não deve trazer grande problemas. Os turcos superaram o favoritismo do Schalke 04 para chegarem entre os oito, porém, a trajetória nesta edição de Champions League deve acabar no dia 9 de abril.

Se as bolinhas foram generosas com o Real Madrid, por outro lado, deixaram Bayern de Munique e Juventus frente a frente para decidirem uma vaga para as semifinais da Champions League. Os bávaros fizeram uma boa primeira fase e no primeiro confronto das oitavas de finais venceram o Arsenal por 3 a 1 no Emirates Stadium. A classificação dos alemães era certa, no entanto, os Gunners surpreenderam e quase eliminaram o futuro time de Pep Guardiola na Alemanha. Já os italianos passaram sem dificuldades pelo Celtic, vencendo as duas partidas e sem sofre gols. Bayern e Juve já se enfrentaram seis vezes, com 3 vitórias bávaras, um empate e duas vitórias da Velha Senhora.





Paris Saint-Germain contrata o veterano David Beckham

2 02 2013

O carismático inglês assinou contrato até o final da temporada e doará todo o seu salário a uma instituição de caridade

Por Gustavo Soler

Assim como no Milan, Beckham usará a camisa 32 (Foto: Agência Reuters)

Assim como no Milan, Beckham usará a camisa 32 (Foto: Agência Reuters)

No último dia da janela de transferências, o veterano meia David Beckham assinou contrato de cinco meses com o Paris Saint-Germain. Este será o último clube do jogador de 37 anos, e o próprio atleta afirmou que doará o seu salário para uma instituição de caridade. Conhecido pela carisma e a pinta de modelo, o inglês vestirá a camisa 32 do PSG.

Beckham chegou a Paris querendo provar que ainda pode jogar em alto nível e foi perguntado do que ele sentia por ser o jogador mais velho do time mais tradicional da França. Sorridente, o meia que já passou por Manchester United, Real Madrid, Milan e LA Galaxy, respondeu que se sentia como um jovem de 21 anos e que tentará passar ensinamentos aos mais jovens.

O acordo até o final da temporada entre o inglês e o PSG é para explorar ao máximo a imagem do atleta na capital da moda, para deixar o clube ainda mais em evidência no mundo. O salário do camisa 32 será de 800 mil dólares (pouco menos de R$ 1,6 milhões), porém, este dinheiro será enviado à uma instituição de caridade pelo próprio atleta.

Ao lado de Wilshere e Podolski, Beckham treinou no Arsenal para recuperar a forma física (Foto: Getty images)

O técnico Arsenè Wenger, do Arsenal, clube no qual Beckham estava treinando para voltar a boa forma física, comentou sobre a contratação do meia pelo PSG:

– É um clube com muita ambição, que tem um grande potencial e quer ganhar mais notoriedade. Beckham pode contribuir para isso. Ele é uma marca mundial, todos os olhos estarão voltados para ele, para o PSG e para o Campeonato Francês neste período – disse.

Beckham ficou um período treinando com o elenco do Arsenal por conta da sua família, que está morando na Inglaterra. Sobre este tempo nos Gunners, o meia foi perguntado por que não assinou com o clube londrino ou com outro time do país. O astro falou sobre a sua lealdade ao Manchester United, clube por qual foi revelado e torce. O camisa 32 também disse os motivos por escolher o PSG:

– Eu escolhi o PSG porque vejo o que o clube está tentando fazer, os jogadores que estão tentando contratar. É um clube que terá sucesso nos próximos dez, 20 anos. Fazer parte disto é algo empolgante para mim. Estou honrado – explicou.

O sheik Al-Khelaifi (esquerda) estava contente com a coletiva de Beckham (Foto: Agência Reuters)

Beckham será companheiro de Lucas e Ibrahimovic no PSG (Foto: EFE)

A coletiva de Beckham foi marcada pela empolgação do jogador de ter assinado com o time e a ansiedade de poder estar em campo e de ajudar os novos companheiros.

Ele também elogiou o diretor esportivo Leonardo e técnico Carlo Ancelotti, com quem trabalhou durante as suas duas passagens pelo Milan. Um dos mais contentes na coletiva era o dono do clube, o sheik Nasser Al-Khelaifi, que falou sobre as inúmeras recusas do reforço  por outros clubes e a escolha pelo Paris Saint-Germain.

Durante a apresentação de Beckham, o meia Lucas postou em seu Twitter sobre o novo companheiro:

– David Beckham é uma contratação excelente. Um ícone no futebol mundial, uma estrela. Jogar ao lado dele será uma honra para mim. Uma influência maravilhosa para mim. Vou aprender muito com ele e o PSG ganhará muito com ele também – publicou.





Detalhes separam o acerto de Nenê com o Santos

10 01 2013

Diferença salarial, que antes era um empecilho, está próxima de ser solucionada. Empresário do atleta diz que chance do acerto é de 80%

Por Leonardo Perri

Nenê está perto de retornar ao Santos (Foto: Foto: Divulgação/site oficial PSG)

Nenê está perto de retornar ao Santos (Foto: Foto: Divulgação/site oficial PSG)

Depois de anunciar Montillo e Cícero como reforços para 2013, o Santos está muito próximo de fazer mais uma contratação para a nova temporada. Nenê, jogador do Paris Saint-Germain(FRA) e desejo antigo do clube, aceitou reduzir a pedida salarial que ganhava na Europa e os valores  se aproximaram da oferta feita pelo clube da Vila Belmiro, que também agrada ao atleta.

A negociação voltou a evoluir pois as duas partes entenderam que precisavam ceder a fim de um desfecho positivo. Na última terça-feira, o empresário do atleta, Gilvan Costa, disse ao clube santista que a proposta salarial para o atleta teria que ser aumentada devido a diferença de impostos cobrada na Europa e no Brasil, além do fato de o Santos não ter que pagar pela transferência.

– De 0 a 100, a chance é de 80%. Ele está pensando e amanhã (quinta-feira) sai a decisão final. O Santos chegou mais perto do que queríamos – afirmou o agente ao Globoesporte.com

Correndo por fora, existe a possibilidade de um clube do Qatar levar o atleta. No entanto, o próprio jogador enxerga com bons olhos um retorno ao Brasil na expectativa de ser observado pelo técnico da Seleção Brasileira Luiz Felipe Scolari e ser convocado. Especula-se que haja uma sondagem do Milan, mas nenhuma oferta chegou.

A negociação com o clube do Qatar não foi descartada pelo empresário, mas ele destacou a vontade de Nenê em atuar pelo Santos. A expectativa é que o acordo seja fechado ainda nessa quinta-feira mas o anúncio oficial só será possível quando o contrato com a equipe francesa for rescindido.

– A ida para o Qatar não está descartada, mas o Nenê quer vestir a camisa do Santos. A gente está na expectativa. Alguns detalhes burocráticos ainda emperram, mas o Santos está se aproximando do que o jogador deseja receber – disse o agente, ao Lance!Net

Atento ao mercado, o Santos mantém o negócio com Nenê como prioridade mas já sondou a situação do meia Carlos Eduardo, atualmente no Rubin Kazan, da Rússia caso o acerto não saia. No momento, o provável reforço santista está treinando na França mas não foi relacionado para a partida contra o Ajaccio. Com um acordo de rescisão com o Paris Saint-Germain caso venha alguma proposta, o atleta aguarda o desfecho.





Mesmo pouco aproveitado no PSG, Lugano deve permanecer na Europa

6 09 2012

Zagueiro não foi inscrito na UEFA Champions League e é considerado última opção para a defesa; uruguaio, porém, não pretende sair do Velho Continente por enquanto

Por Luiz Queiroga

Lugano ainda não vestirá a camisa do São Paulo (Foto: Divulgação)

O tão sonhado anúncio da repatriação do ídolo Diego Lugano por parte da torcida do São Paulo ainda não está próximo, mesmo com fatos recentes envolvendo o uruguaio e o seu atual time Paris Saint-Germain.

Um dos primeiros nomes de peso contratados pela nova gestão do PSG, atualmente Lugano encontra-se como última opção da zaga, atrás dos brasileiros Thiago Silva e Alex, e de Sakho. Aos 31 anos, o defensor atuou apenas 21 partidas desde a sua chegada à capital francesa no início da temporada passada e não foi relacionado para a fase de grupos da UEFA Champions League pelo técnico Carlo Ancelotti.

A imprensa local veicula que o destino de Lugano será o São Paulo. Curioso que o ídolo tricolor foi visto recentemente no clube, mas o fato se deu apenas em função de o zagueiro estar finalizando algumas questões comerciais sobre a última jogada de marketing do time, chamada “Deuses da Raça”, que foca nos uruguaios que fizeram história no Morumbi.

Segundo o jornalista Marcello Lima, Lugano teria informado a pessoas próximas que não voltará para o São Paulo ano que vem. Aliado a isso, o alto salário em torno dos R$900 mensais também impossibilita um acordo com o Tricolor, já que pretende permanecer nesse nível. A tendência é que Lugano permaneça na Europa até o fim de 2013, seja no PSG ou em qualquer outra equipe, e só aí que sua volta ao Brasil será tratada como realidade e bastante possível.








%d blogueiros gostam disto: