Mercado de transferência na Inglaterra: Com Mourinho de volta, Chelsea visa entrar firme na briga contra os times de Manchester

3 09 2013

Tottenham e Manchester City investem pesado para alcançarem os seu objetivos no Campeonato Inglês; Arsenal surpreende no último dia e volta a dar esperanças a torcida

Por Gustavo Soler

Manchester United

Destaques do Everton, Moyes e Fellaini esperam repetir sucesso em Old Trafford (Foto: Divulgação / Site Oficial)

Destaques do Everton, Moyes e Fellaini esperam repetir sucesso em Old Trafford (Foto: Divulgação / Site Oficial)

Após 27 anos, o Manchester United iniciou a temporada com um treinador diferente. Depois da saída do lendário Sir Alex Ferguson, os atuais campeões da Premier League acertaram a contratação de David Moyes, ex-Everton. Junto com o manager, o meia belga Fellaini foi contratado no último dia da janela por 32 milhões de euros.

Time base: De Gea, Jones (Rafael), Ferdnand, Vidic e Evra; Carrick, Fellaini, Valencia (Kagawa) e Welbeck (Zaha); Rooney e van Persie.

Técnico: David Moyes.

Expectativa para a Premier League: Título.

Manchester City

Negredo, Jovetic e Jesús Navas são apresentados no Manchester City (Foto: Getty images)

Negredo, Jovetic e Jesús Navas são apresentados no Manchester City (Foto: Getty images)

O lado azul da cidade de Manchester também teve mudanças no comando técnico. Após a saída de Roberto Mancini, o chileno Manuel Pellegrini foi apresentado no Etihad Stadium. Os Citizens se reforçaram bem para a temporada e trouxeram os espanhois Negredo e Jesús Navas, ambos ex-Sevilla.

No entanto, a contratação mais cara do City foi o brasileiro Fernandinho, ex-Shaktar. Os ingleses pagaram cerca de 40 milhões de euros pelo volante. Além dele, o atacante Jovetic e o experiente zagueiro Demichelis também chegaram ao clube, que brigará pelo título nacional e reconhecimento na Champions League.

Brasileiro foi a contratação mais cara do clube, cerca de 40 milhões de euros fora investidos no camisa 25 (Foto: Divulgação – Site oficial do Man City)

Brasileiro foi a contratação mais cara do clube, cerca de 40 milhões de euros fora investidos no camisa 25 (Foto: Divulgação – Site oficial do Man City)

Time base: Hart, Zabaleta, Kompany, Nastasic e Clichy; Yaya Touré, Fernandinho (Rodwell), Jesús Navas (Nasri) e David Silva; Dzeko (Negredo); Agüero.

Técnico: Manuel Pellegrini.

Expectativa para a Premier League: Título.

Chelsea

Eto’o e Mourinho esperam reviver conquistas, mas agora pelo Chelsea (Foto: Getty images)

Eto’o e Mourinho esperam reviver conquistas, mas agora pelo Chelsea (Foto: Getty images)

Com a terceira colocação na última temporada, o Chelsea manteve a sua base e recontratou José Mourinho, ídolo da torcida dos Blues. O treinador agiu rapidamente e aproveitou a desistência do investidor do Anzhi para trazer Samuel Eto’o, seu homem de confiança na Internazionale. Além do camaronês, o jovem Willian também saiu do clube russo para assinar com os Blues.

Outros jogadores que chegaram ao Stamford Bridge foram o alemão Schürrle, Schwarzer, van Ginkel e Atsu, esse último repassado por empréstimo ao Vitesse. Além deles, Essien, McEarchran e os belgas Lukaku e Kevin De Bruyne retornaram de empréstimo.

Time base: Cech, Azpilicueta, Terry (Cahill), David Luiz e Cole; Ramires, Lampard, Oscar, Mata e Hazard; Eto’o.

Técnico: José Mourinho.

Expectativa para a Premier League: Título.

Arsenal

Meio-campista foi a principal contratação do Arsenal (Foto: Getty images)

Meio-campista foi a principal contratação do Arsenal (Foto: Getty images)

Os Gunners se movimentaram no último dia da janela de transferências. O técnico Arsenè Wenger recebeu um novo camisa 11. Após a tão badalada e polêmica chegada de Bale ao Real Madrid, Mesut Özil desembarcou em Londres por cerca de 47 milhões de euros.

Além do alemão, o goleiro italiano Viviano também chegou no último dia, porém, o arqueiro assinou por empréstimo. Matteo Flamini, que passou pelo time de 2004 a 2008, acertou a sua volta. Junto com o volante, o também francês Yaya Sanogo chegou aos Gunners.

Time base: Viviano, Sagna (Jenkinson), Koscienlny, Vermalen e Gibbs; Ramsey, Wilshere Özil e Santi Cazorla; Walcott, Giroud (Podolski).

Técnico: Arsenè Wenger.

Expectativa para a Premier League: Vaga na Champions League.

Tottenham

Soldado e Paulinho são as novas esperanças de gols do Tottenham (Foto: Getty images)

Soldado e Paulinho são as novas esperanças de gols do Tottenham (Foto: Getty images)

Visando à classificação para a Champions League na próxima temporada, os Spurs abriram os cofres para contratações. O principal nome a desembarcar em Londres foi o volante Paulinho. Destaque da Seleção Brasileira, o ex-corintiano foi negociado por 20 milhões de euros.

Com a saída de Bale, o Tottenham investiu pesado no seu ataque. Com 60 milhões de euros, o clube trouxe o centroavante Soldado e o argentino Lamela. Além deles, os meias Eriksen, Chadli e Capoue, junto com o zagueiro Chiriches, também foram apresentados.

Time base: Lloris, Walker, Dawson (Kaboul), Vertonghen e Assou-Ekoto (Rose); Paulinho, Dembelé, Eriksen, Lamela e Chadli; Soldado

Técnico: Andrés Villas-Boas

Expectativa para a Premier League: Vaga na Champions League.

Liverpool

Jovem goleiro foi contatado para ser a muralha do Liverpool (Foto: Action images)

Jovem goleiro foi contatado para ser a muralha do Liverpool (Foto: Action images)

Assim como o Tottenham, o Liverpool também sonha em voltar a disputar o torneio de clubes mais importante da Europa. Para isso, os Reds foram ao mercado e trouxeram oito jogadores para reforçar o seu time. A principal contratação foi o goleiro Mignolet, que custou 10,5 milhões de euros.

Junto com o arqueiro, os zagueiros Kolo Touré, Illori e Sako e o lateral esquerdo Cissokho também foram apresentados para reforçar o sistema defensivo. Para o ataque, Brendan Rodgers contará com Iago Aspas e Luis Alberto. No último dia de transferências, o nigeriano Victor Moses tomou o mesmo rumo de Sturridge e assinou com o os Reds.

Time base: Mignolet, Johnson, Skrtel, Agger e Cissokho (José Enrique); Lucas Leiva, Henderson (Allen), Gerrard e Phillipe Coutinho; Sturridge e Luis Suarez.

Técnico: Brendan Rodgers.

Expectativa para a Premier League: Vaga na Champions League.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: