Chelsea e Abramovich, o ‘casamento’ chega ao décimo ano

6 08 2013

Com mais de R$ 3 bilhões gastados, investidor russo sonha com mais títulos nacionais e internacionais

Por Gustavo Soler

Excêntrico Roman Abramovich conseguiu levar o Chelsea ao topo da Europa (Foto: Getty Images)

Nesta nova temporada 2013/14, o Chelsea completou 10 anos sob o comando do bilionário investidor russo Roman Abramovich. Dono de empresas e ligado ao ramo do petróleo, o proprietário do clube inglês gastou mais de R$ 3 bilhões para tornar o sonho dele realidade.

Primeiro título Inglês do bilionário russo (Foto: Getty images)

Com apenas um título de Campeonato Inglês, o Chelsea era uma equipe modesta, porém, bem tradicional no país. Na temporada 2003/4, Abramovich comprou o clube e logo investiu em reforços para transformar os Blues em uma potência mundial.

Logo de cara, o russo contratou os jovens britânicos Bridge e Joe Cole, os volantes Verón e Makelele e os destaques Duff, primeiro grande nome da equipe, o argentino Crespo e o centroavante Adrian Mutu, que na mesma temporada foi demitido do clube após envolvimento com cocaína.

O time foi se encaixando ao longo do campeonato, mas não chegou a conquistar títulos. Na temporada seguinte, novos investimentos foram feitos, dentre eles, José Mourinho, o jovem e ambicioso treinador que acabava de ganhar uma Champions League com o Porto. O técnico caiu como uma luva para Abramovich e logo na primeira Premier League dele como comandante dos Blues, a equipe de Drogba, Cech, Robben, Ricardo Carvalho, Kezman, Terry e Lampard conquistaram o título.

Com o time forte e reconhecido dentro da Inglaterra, Abramovich manteve a base campeã e trouxe como principal reforço para a temporada 2005/06 Andrey Shevchenko, do Milan, por R$ 46 milhões, e Michael Essien, do Lyon, por R$ 38 milhões. Os dois se adaptaram muito bem ao esquema de Mourinho e o bicampeonato foi conquistado.

Em 2007, Mourinho deixou o cargo de treinador do Chelsea. Sob o comando de Avram Grant, os Blues foram vice em todos os campeonatos que chegaram à final. O primeiro deles, a Copa da Liga Inglesa, perdida para o rival Tottenham por 2 a 1, na prorrogação. O segundo, a Premier League, o time chegou à última rodada com chances de título, porém, o time acabou empatando e viu o Manchester United levantar o troféu.

Felipão teve muitos problemas na sua passagem pelos Blues (Foto: AP)

Na temporada seguinte, Felipão foi contratado para comandar o Chelsea, porém, algumas das estrelas do time, como Ballack e Drogba não concordavam com algumas atitudes tomadas pelo brasileiro. Com o clima ruim e o elenco dividido, Felipão foi mandando embora. Para o seu lugar, Guus Hiddink foi contratado e “salvou” a temporada com o título da Copa da Inglaterra.

Antes do fim da temporada 2008/2009, Ancelotti foi contratado. E o italiano comandou os Blues na decisão da UEFA Champions League em partida contra o rival Manchester United, revivendo o espírito de revanche após o título perdido na última rodada da Premier League da temporada passada. A equipe de Londres saiu atrás no placar, mas empatou o jogo com o ídolo Lampard. A partida foi para os pênaltis e na quinta cobrança, John Terry escorregou e mandou para fora a chance do triunfo. A disputa foi para as cobranças alternadas e Anelka chutou a sétima penalidade e última cobrança em cima de Van der Sar.

John Terry perde o pênalti decisivo na final da Champions League de 2008
(Foto: Getty images)

Carlo Ancelotti, porém, conquistou o primeiro Double, ganhando os títulos da Premier League e da Copa da Inglaterra. Na temporada 2011/12 chegou o momento que Abramovich mais esperava, o seu time foi campeão da UEFA Champions League, na final contra o Bayern de Munique, dentro da Allianz Arena, em Munique.

Time campeão da Champions League (Foto: Getty Images)

Na última temporada, o Chelsea não teve um grande desempenho e acabou sem títulos, com isso, Abramovich acertou a volta de José Mourinho e visa os anos de 2013/14 para os Blues voltarem a levar taças nacionais e internacionais.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: