Com os nervos a flor da pele e com o um frango épico, Palmeiras é eliminado pelo Tijuana

15 05 2013

Mesmo com disposição, Palmeiras erra demais e é castigado com dois gols

Por Gustavo Soler

https://i2.wp.com/www.lancenet.com.br/content/edit/_LANIMA20130514_0196_1.jpg

Imagens mostram o frango do goleiro Bruno (Foto: Lancenet!)

Nesta terça-feira (14), o Palmeiras entrou em campo para enfrentar o Tijuana, pelo jogo de volta das oitavas de finais da Copa Libertadores. No primeiro jogo, o Verdão conseguiu suportar a pressão dos mexicanos e trouxe o resultado de 0 a 0 para o Pacaembu. Com todo o apoio vindo das arquibancadas, o time de Gilson Kleina estava cotado para passar, porém, com um frangasso de Bruno e uma bola mal rebatida por Henrique, deram aos visitantes dois gols. A partida acabou em 2 a 1 para o Tijuana.

O Palmeiras começou o jogo pressionando a saída de bola do Tijuana e logo no primeiro minutos, Marcelo Oliveira cruzou a zaga mexicana tentou afastar e a redonda acabou batendo no braço de Gandolfi, porém, o juiz corretamente mandou seguir. O lateral esquerdo do Verdão acabou errando na saída de jogo, oferecendo um ataque perigosíssimo aos visitantes, mas Mauricio Ramos bloqueou o chute. Aos 14 minutos, Charles trombou com Corona e Martinez, esquentando o clima e dando inicio a um pequeno tumulto.

Com muita vontade e mais volume de jogo, o Palmeiras dominava as ações da partida. Aos 22 minutos, Kleber sofreu falta na entrada da área. Na cobrança, Ayrton mostrou toda a sua categoria, no entanto, a redonda explodiu no travessão. Com 26, Martinez tomou a bola de Henrique, tabelou com Corona e deixou a bola na medida para Riascos. O atacante chutou errado, e o arqueiro Bruno levou um frango histórico. O clima do jogo estava quente, Richard Ruiz atingiu um tapa no rosto de Kleber. O árbitro Juan Ernesto Soto mostrou o cartão amarelo e acabou errando e mostrou o vermelho logo em seguida, ao consultar os seus assistentes, o venezuelano assumiu o erro e cancelou o cartão vermelho. Aos 50 minutos, Ayrton cobrou falta perto da linha lateral, à bola foi em direção ao ângulo, no entanto, Saucedo espalmou e mandou para escanteio.

A etapa final começou com oito cartões amarelos, três para o Palmeiras e cinco para o Tijuana. O nervosismo para empatar o jogo era nítido e para piorar a situação, Arce aproveitou o rebote de Henrique e emendou de primeira, marcando um belo gol para os mexicanos. Aos nove minutos, Maikon Leite recebeu na ponta direita, partiu com muita velocidade e cruzou na medida para Souza. O camisa 8 entrou testando firme, no entanto a bola foi na rede pelo lado de fora. Com 15 min, Aguilar foi afastar de cabeça a cobrança de escanteio e acabou cabeceando a bola no próprio braço. Juan Ernesto Soto assinalou a penalidade. Na cobrança, Souza tirou de Saucedo e diminui no Pacaembu.

O sofrimento palmeirense aumentou ainda mais: Souza cruzou na medida para Kleber, o camisa 9 empurrou para o gol, porém, de forma equivocada o bandeira assinalou impedimento do atacante. Aos 30 minutos, Ayrton cobrou um escanteio na medida, mas Mauricio Ramos acabou mandou por cima do gol. Aos 35 min, Riascos recebeu na medida, invadiu a área, driblou o goleiro Bruno e na hora da finalização, Mauricio Ramos salvou em cima da linha. O zagueiro Aguilar acabou cometendo uma falta na entrada da área a foi expulso. Souza foi para a cobrança da falta, a torcida do Palmeiras cruzou os dedos, mas o camisa 8 isolou. Aos 47 minutos, Ayrton cobrou falta na medida, Souza testou firme e Saucedo fez a defesa, no entanto, a bandeira já havia subido.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1  X  2 TIJUANA (MEX)

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 14/5/2013 – 22h00
Árbitro: Juan Soto (VEN)
Auxiliares: Jorge Urego (VEN) e Carlos Lopes (VEN)

Renda/Público: R$ 1.898.377,50/34896 total
Cartões Amarelos:
 Tiago Real, Charles, Kleber, Vinícius, Henrique (PAL); Castillo, Pablo Aguiar, Ruiz, Nuñes, Riascos, Arce (TIJ)
Cartões Vemelhos: Aguilar (TIJ)
GOLS: Riascos, 26’/1ºT (0-1); Arce, 6’/2ºT (0-2), Souza, 16/2ºT (1-2)

PALMEIRAS: Bruno; Ayrton, Maurício Ramos, Henrique e Marcelo Oliveira (Juninho – 26’/2ºT); Márcio Araújo, Charles (Maikon Leite – 8’/2ºT), Wesley (Souza – intervalo) e Tiago Real; Vinicius e Kleber. Técnico: Gilson Kleina.

TIJUANA: Saucedo; Ruíz, Aguilar, Gandolfi (Ortiz – 27/2ºT) e Castillo; Pellerano, Arce, Corona (Madueña – 21/2ºT) e Riascos; Fidel Martínez (Taihulan – 29/2°T) e Nuñez. Técnico: Antonio Mohamed.

Anúncios

Ações

Information

One response

18 05 2013
Cartada final: Henrique joga a Série B pelo Palmeiras |

[…] Após a eliminação do Palmeiras para o Tijuana, na Libertadores, as especulações que o zagueiro Henrique não fosse jogar a Série B pelo Palmeiras aumentaram. Mas para o alívio dos torcedores Palmeirenses, Henrique vai jogar a Série B pelo time e, muito animado, já pensa até no centenário do clube. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: