Cuca faz alerta aos jogadores do Atlético-MG e relaciona atletas para viagem à Bolívia

8 03 2013

O treinador alvinegro pediu a equipe para ter os ”pés no chão” e fez alerta sobre uma possível noite ruim: “Não pode acontecer”

Por Stéfano Bruno

Apesar da boa atuação, Cuca acredita que ainda pode melhorar: 'Fomos muito eficazes, mas não podemos nos iludir e achar que tudo está perfeito' (Getty Images)

Cuca pede para jogadores do Galo manterem os “pés no chão” (Foto: Getty Images)

Única equipe brasileira com 100% de aproveitamento nesta Copa Libertadores da América, o Atlético-MG fez nova vítima ontem, ao vencer o The Strongest, da Bolívia, por 2 a 1. Após a vitória, o técnico Cuca, em sua entrevista coletiva, pediu para a equipe manter os “pés no chão”.

– Não adianta estar jogando o melhor futebol, tem de ter os pés no chão. Eu gosto de ver o meu time jogando bem, eu me animo e fico feliz. Deixa o torcedor animado, mas a nossa responsabilidade é grande, não podemos fracassar – disse o comandante atleticano.

Cuca carrega com si o exemplo do Cruzeiro, em 2011. Na época, o então treinador cruzeirense comandou uma equipe que foi espetacular na primeira fase da Libertadores. Além de ter alcançado o primeiro lugar geral, as vitórias em que a equipe marcou 4, 5 e 6 gols, lhe renderam o melhor ataque da primeira fase, com 20 gols, média de 3,33 por partida. A equipe comandada por Cuca começou a ser chamada por boa parte da imprensa sul-americana de “Barcelona das Américas”, porém, após uma noite ruim, caiu nas oitavas de final para o Once Caldas, da Colômbia.

– A gente não se ilude. Eu já tive situações em que meu time era considerado o melhor da América e ficou de fora em um jogo, para o Once Caldas, pois estava em uma noite ruim. Isso acontece, mas não pode acontecer – lembrou Cuca.

Cuca relaciona 22 jogadores para jogo na altitude

Em partida inédita para muitos jogadores atleticanos que ainda não jogaram em qualquer tipo de altitude, o Atlético-MG começa a fazer a sua preparação para a partida contra o The Strongest, da Bolívia, neste sábado, quando embarcará para La Paz às 10h48min. Os cerca de 3.500 metros de altitude que os jogadores do Galo enfrentarão na Bolívia, serão inéditos até mesmo para o Cuca, que nunca comandou uma equipe em tamanha altitude.

Para a partida que acontecerá na próxima quarta-feira (13), às 22h (de Brasília), no Estádio Hernando Siles, o técnico Cuca relacionou 22 jogadores. São eles:

Goleiros: Victor, Giovanni
Laterais: Carlos César, Marcos Rocha, Júnior César, Richarlyson, Michel
Zagueiros: Réver, Leonardo Silva, Rafael Marques, Gilberto Silva
Volantes: Pierre, Leandro Donizete, Serginho
Meias: Bernard, Ronaldinho, Leleu
Atacantes: Jô, Diego Tardelli, Alecsandro, Neto Berola, Luan

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: