Fluminense vira no Chile e vence o Huachipato

28 02 2013

Com boa atuação, Tricolor Carioca mantém escrita do Grupo 8, onde apenas os visitantes venceram

Por Stéfano Bruno

wagner_fluminense_nelsonperez.jpg_95

Wagner entrou na segunda etapa e precisou de apenas 24 segundos em campo para fazer o gol da virada do Fluminense (Nelson Perez / Fluminense FC)

Mantendo a escrita do Grupo 8, da Copa Libertadores da América 2013, onde apenas os visitantes venceram, o Fluminense venceu, de virada, o Huachipato, do Chile, por 2 a 1. Os gols da partida foram marcados por Wellington Nem e Wagner. Braian Rodríguez fez o gol dos donos da casa.

Pela Copa Libertadores, o Fluminense volta a campo no próximo dia 6, uma quarta-feira, às 22h, quando recebe no Engenhão o próprio Huachipato, pelos jogos de volta da fase de grupos da Libertadores. Porém, antes de entrar em campo pelo torneio continental, o Tricolor Carioca faz o clássico com o Vasco, neste sábado (02), às 18:30, pela semifinal da Taça Guanabara.

Crônica da partida

Embora estivesse jogando fora de casa, quem começou melhor na partida foi o Fluminense. E foi o Tricolor que teve a primeira chance de gol do jogo. Após boa troca de passes, aos oito minutos, Wellington Nem recebeu a bola dentro da área e tocou para Fred que, desequilibrado, finalizou por cima do gol.

Tomando as rédeas da partida o Fluminense demonstrava ter uma qualidade técnica superior a equipe chilena. Trocando passes e atuando com tranquilidade, a equipe carioca teve nova chance de abrir o placar, aos 18min, após uma saída estranha do goleiro Veloso. Após lançamento de Jean, o goleiro chileno saiu do gol com uma espécie de “voadora” e não conseguiu alcançar a bola, que sobrou para Thiago Neves. O camisa 10 acabou se assustando com a pelota e não conseguiu dominá-la, com isso a defesa chilena apareceu para afastar o perigo.

Aos 20min o Huachipato sofreu uma grande perda para a partida e, ao mesmo tempo, uma preocupação para o andamento desta Copa Libertadores. Com uma lesão no joelho, Arrué, tido como o jogador mais talentoso da equipe, deixou o campo para a entrada de Daniel González. Ironicamente, os Negriazules melhoraram após a entrada de González e passaram a agredir mais o Flu, que passou a adotar as jogadas em velocidade para superar a equipe da casa.

Quando o Tricolor Carioca colocava a bola no chão chegava sem muita dificuldade à área adversária. Dessa forma o Fluminense teve uma grande chance de abrir o placar, mas Wellington Nem desperdiçou uma oportunidade incrível. Aos 36min, após boa trama ofensiva, Jean deu linda assistência para Thiago Neves que, de primeira, escorou para o meio da área. Livre de marcação, Nem apareceu e finalizou na trave esquerda do gol de Veloso, que já estava batido no lance.

Um dos ditados do futebol diz que ‘quem não faz, leva’, e ele funcionou para o Tricolor das Laranjeiras. O castigo foi aos 45min. Crovetto cruzou da esquerda, Braian Rodríguez se antecipou à zaga e tocou na saída de Diego Cavallieri para abrir o placar.

Tempo de virada Tricolor

Em busca do empate, o Fluminense voltou para a segunda etapa pressionando bastante a equipe da casa. Porém, a pressão fez efeito apenas aos 14min, quando o Tricolor quase abriu o placar após ótima enfiada de bola de Wellington Nem para Fred. Atento a jogada, o goleiro Veloso antecipou o passe e evitou que a bola chegasse ao centroavante do Flu.

Quatro minutos depois, nova chance para a equipe carioca. O zagueiro Gum fez às vezes de lateral e, pela direita, foi à linha de fundo e cruzou na medida para Fred. Pressionado pela marcação, o camisa 9 do Flu cabeceou para a esquerda do gol, assustando o goleiro Veloso.

Melhor na partida, o Fluminense acabou chegando ao empate. Aos 21min, Carlinhos cruzou para Fred que, de peito, ajeitou a bola para Wellington Nem que bateu de primeira, fazendo um lindo gol. 1 a 1.

Após o gol, o Flu continuou pressionando o Huachipato, em busca da virada. Mas foram os Negriazules que quase marcaram novamente. Aos 27min, Edinho passou direto pela bola, alegando ter sido empurrado, e a bola sobrou para Nuñez. Frente a frente com Cavalieri, o volante finalizou por cima do gol.

Huachipato x Fluminense - Copa Libertadores - Deco e Fred (Foto: Nelson Perez/FFC)

Com atuação discreta, Deco acabou dando lugar a Wagner, que fez o gol da vitória do Flu (Foto: Nelson Perez / Fluminense FC)

Aos 31min, Abel Braga sacou Deco e mandou Wagner para campo. O camisa 19 precisou de apenas 24 segundos e dois toques na bola para virar o placar para o Fluminense. Após bate e rebate na área, a bola sobrou para Wagner que ajeitou e bateu forte, na saída de Veloso, que nada pode fazer. É a virada do Tricolor. 2 a 1.

Já prevendo uma pressão da equipe mandante, logo após o gol Abel sacou Thiago Neves e colocou em campo o zagueiro Anderson. Mas foi o Fluminense quem quase voltou a marcar. Aos 40min, Wagner cobrou escanteio pela esquerda e, de voleio, Rhayner carimbou o travessão do gol defendido por Veloso.

Nos minutos finais, coube ao Fluminense segurar o placar da partida e assegurar a sua segunda vitória nesta Copa Libertadores.

FICHA TÉCNICA

HUACHIPATO (CHI) 1 X 2 FLUMINENSE

Local: Estádio CAP, em Concepción (CHI)
Data/Hora: 27/2/2013, às 22h (de Brasília)
Árbitro: Saúl Esteban Laverni (ARG)
Auxiliares: Juan Belatti (ARG) e Iván Núnez (ARG)

Renda/Público: Não divulgados
Cartões Amarelos: 
Labrín e Reyes (HUA); Deco e Carlinhos (FLU)
Cartões Vermelhos: Não houve

GOLS: Rodriguez, aos 45’/1ºT (1-0); Wellington Nem, aos 21’/2ºT (1-1) e Wágner, aos 31’/2ºT (1-2)

HUACHIPATO: Veloso; Contreras, Labrín, Muñoz e Crovetto; Sandoval, Reyes, Nuñez (Reynero – 28’/2ºT) e Arrué (González – 18’/1ºT); Falcone (Llanos – 23’/2ºT) e Rodriguez – Técnico: Jorge Pellicer

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Leandro Euzébio (Rhayner – 18’/2ºT) e Carlinhos; Edinho, Jean, Deco (Wagner – 30’/2ºT) e Thiago Neves (Anderson – 33’/2ºT); Wellington Nem e Fred – Técnico: Abel Braga

Anúncios

Ações

Information

One response

28 02 2013
85% dos clubes brasileiros ficam quase oito meses sem jogar depois dos Estaduais |

[…] Fluminense vira no Chile e vence o Huachipato […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: