Em reencontro com seu ex-clube, CR7 marca, mas Real apenas empata com o United

13 02 2013

Jogo foi muito movimentado e deixou a disputa por uma vaga nas quartas de final em aberto

Por Caio Martins

Cristiano Ronaldo tenta cruzamento na área, mas é atrapalhado por Rafael (Foto: Getty Images)

Cristiano Ronaldo tenta cruzamento na área, mas é atrapalhado por Rafael (Foto: Getty Images)

Danny Welbeck abriu o placar em Madrid (Foto: Getty Images)

Danny Welbeck abriu o placar em Madrid (Foto: Getty Images)

Real Madrid e Manchester United corresponderam às expectativas e fizeram um belíssimo jogo ao empatarem em 1 a 1 pela partida de ida das oitavas de final da UEFA Champions League nesta quarta-feira (13). Jogando em casa, os merengues tomaram maiores iniciativas e marcaram com o craque português Cristiano Ronaldo, mas encontraram muitas dificuldades na organizada equipe de Alex Ferguson, que marcou com Welbeck. Os times voltam a se enfrentar no dia 5 de março, no Old Trafford, pela partida de volta. Um empate em 0 a 0 já garante os Diabos Vermelhos nas quartas do maior torneio interclubes da Europa.

Empurrado por sua torcida que lotou as arquibancadas do Santiago Bernabéu, o Real Madrid começou o jogo sufocando os Red Devils. Logo aos dois minutos, Khedira recebeu dentro da área e arriscou de perna esquerda, sem muito perigo. No minuto seguinte, foi a vez de Di María avançar pelo meio e bater contra o gol de De Gea, que apenas olhou a bola ir pela linha de fundo.

Os blancos estavam realmente animados: aos cinco, a zaga do United afastou mal e a bola sobrou para Fábio Coentrão, que viu seu chute parar na trave após defesa sutil do goleiro do time inglês. Os visitantes tentaram responder em um chute de longa distância de Rooney aos 11min, mas que foi desviado por Welbeck e não assustou Diego López.

O jovem inglês, no entanto, tratou de se redimir da trapalhada. Com 19min, Wayne Rooney cobrou escanteio pela esquerda e Welbeck subiu mais que a defesa merengue para abrir o placar em Madrid: 1 a 0 Manchester.

Di María, que apoiou bem no ataque, é marcado por Carrick e Evra (Foto: Getty Images)

CR7 marcou e comemorou discretamente, em respeito ao seu ex-clube (Foto: Getty Images)

CR7 marcou e comemorou discretamente, em respeito ao seu ex-clube (Foto: Getty Images)

Os espanhóis, apesar do balde d’água fria, não desanimaram. Aos 29, Cristiano Ronaldo cobrou falta na barreira, mas, no rebote, mandou uma bomba que saiu rente à trave direita dos ingleses. No lance seguinte, o craque não perdoou: após cruzamento perfeito de Özil, o camisa 7 subiu no décimo andar e colocou a bola no canto esquerdo do gol, sem chances para De Gea: 1 a 1.

Por muito pouco o Manchester United não voltou à frente no placar logo depois do empate. Aos 34, Van Persie cruzou da esquerda e Welbeck desviou. A bola passou perigosamente à frente da meta de Diego López. O último lance de perigo da movimentada primeira etapa foi dos merengues, quando Fábio Coentrão levantou para Cristiano Ronaldo, que cabeceou com muito perigo à direita de De Gea.

Tentando surpreender o Real na volta dos vestiários, o Manchester assustou logo no primeiro minuto, quando Van Persie levantou na área e Welbeck não conseguiu aproveitar. Aos seis, Di María soltou o pé de fora área e o goleiro, atento, defendeu. Na sequência, boa troca de passes dos merengues que terminou em novo chute do argentino, que passou muito perto do gol inglês.

Aos 15, Khedira cruzou para Coentrão. Dentro da área, o lateral português conseguiu aproveitar e arrematou, mas De Gea operou um milagre e evitou o que seria a virada dos espanhóis.

Van Persie teve duas boas chances de marcar, mas não aproveitou (Foto: Getty Images)

Van Persie teve três boas chances de marcar, mas não aproveitou (Foto: Getty Images)

Após tantas ações ofensivas, o jogo esfriou. Mas não por muito tempo, pois os Diabos Vermelhos tiveram duas grandes oportunidades de marcar. Na primeira, aos 24min, Van Persie recebeu pela direita, invadiu a área e soltou uma bomba que Diego López espalmou antes da bola explodir na trave. Logo depois, o holandês recebeu bela bola quase na marca do pênalti, livre, girou e bateu. A bola passou pelo goleiro merengue, mas Xabi Alonso conseguiu chegar na bola e a afastou praticamente em cima da linha.

Aos 33min, após bate-rebate nos arredores da área inglesa, Khedira arriscou o arremate da entrada da área e viu De Gea fazer mais uma boa defesa em Madrid. Com 40min, Cristiano Ronaldo cobrou falta de muito longe e arrancou suspiros dos torcedores nas arquibancadas.

O Real ainda tentou infiltrar na zaga inglesa, mas sem sucesso. Ainda deu tempo para Van Persie bater cruzado e obrigar Diego López a fazer grande defesa aos 47min. Satisfeito com o empate com gols fora de casa, Alex Ferguson fechou ainda mais a sua equipe, que agora só precisa de uma igualdade sem gols no Old Trafford para avançar na Liga dos Campeões da Europa.

Rooney foi muito bem marcado no Santiago Bernabéu e não conseguiu brilhar (Foto: Getty Images)

REAL MADRID 1 X 1 MANCHESTER UNITED
Local: Santiago Bernabéu, em Madrid (ESP)
Data/Hora: 13/2/2013, às 17h45 (de Brasília)
Árbitro: Felix Brych (ALE)
Auxiliares: Mark Borsch (ALE) e Stefan Lupp (ALE)
Cartões amarelos: Rafael, Van Persie (MAN)
Gols: Welbeck, 20’/2ºT (0-1); Cristiano Ronaldo, 30’/2ºT (1-1)

REAL MADRID: Diego López, Arbeloa, Varane, Sergio Ramos e Coentrão; Khedira, Xabi Alonso (Pepe, 37’/2ºT) e Özil; Di María (Modric, 29’/2ºT), Cristiano Ronaldo e Benzema (Higuaín, 15/2ºT). Técnico: José Mourinho

MANCHESTER UNITED: De Gea, Rafael, Evans, Ferdinand e Evra; Carrick, Jones e Kagawa (Giggs, 20’/2ºT); Rooney (Anderson, 39’/2ºT), Welbeck (Valencia, 27’/2ºT) e Van Persie. Técnico: Alex Ferguson

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: