Mercado da bola na Inglaterra: apostando nos jovens, Liverpool fecha com Sturridge e Philippe Coutinho

1 02 2013

Destaque do Newcastle, Demba Ba vai para o Chelsea; Joe Cole e Doni voltam aos times que os revelaram; Alan Pardew “faz a festa” na França; Harry Redknapp aposta em Samba e Remy para escapar do rebaixamento; Manchester United e Tottenham apostam em joias; Querendo a extinção da janela de inverno, Wenger contrata Monreal; Cisse vai para o mundo árabe

Por Gustavo Soler

 

Nesta quinta-feira (31), a janela de transferências europeia se fechou e o Jornalismo FC analisou as principais contratações das ligas mais importantes. Às 21 horas (horário de Brasília), o mercado inglês se fechou sem grandes movimentações dos principais times do país.

O pontapé inicial das transferências na Inglaterra ocorreu na cidade de Reading. O clube do magnata russo Anton Zingarevich, que está na zona de rebaixamento, acertou a contratação de uma promessa portuguesa: o zagueiro Daniel Carriço, do Sporting Lisboa. No mesmo dia, o veterano goleiro Carlo Cudicini, do Tottenham, se mudou para os Estados Unidos. O arqueiro será companheiro de Donovan no LA Galaxy.

Reserva no Chelsea, Sturridge chegou ao Liverpool marcando gols e já assumiu o posto de titular (Foto: Getty Images)

Com a camisa 10, Coutinho é uma das apostas para o jovem elenco dos Reds (Foto: Site Oficial do Liverpool)

O segundo dia do mercado foi marcado pelo acordo entre Chelsea e Liverpool. Os Blues venderam por 15 milhões de euros o meia-atacante Daniel Sturridge para os Reds. O jovem de 23 anos já atuou pelo time da cidade dos Beatles e chegou à marca de 2 gols em três partidas disputadas. O técnico Brendan Rodgers aposta muito nos jovens e, além dos garotos da sua base e do seu novo camisa 15 vindo do Chelsea, o inglês de 40 anos também fechou com o brasileiro Philippe Coutinho. O valor acordado entre Liverpool e Internazionale foi de 10 milhões de euros. Com a chegada da dupla, Joe Cole foi negociado com o West Ham, time que o projetou, assim como Doni, que voltou ao Botafogo de Ribeirão Preto. Dani Pacheco foi emprestado ao Huesca.

 

Ba chegou e já balançou as redes com a camisa do Chelsea (Foto: Getty images)

Depois da venda de Sturridge, o Chelsea foi ao mercado buscar um centroavante para substituir Fernando Torres, que desde que chegou ao clube não conseguiu mostrar o bom futebol que lhe rendeu fama e um contrato milionário com o Liverpool. A opção encontrada foi o destaque da Premier League Demba Ba, por 8,6 milhões de euros. Além do senegalês, Wallace, lateral do Fluminense, também foi contratado. No entanto, o jovem ficará nas Laranjeiras até o final da temporada antes de viajar à Londres. Entre os brasileiros do elenco, Lucas Piazon se mudou para a Espanha por empréstimo, até julho, ao Málaga.

 

Debuchy substitiu Sagna durante a Euro2012 e foi um dos destaques da França na competição (Foto: Getty Images)

 

Após perder um dos seus principais jogadores, o técnico do Newcastle, Alan Pardew, foi à França buscar reforços. O primeiro deles foi o lateral direito Mathieu Debuchy, destaque francês da última Eurocopa. Por 600 mil euros mais barato do que o acordo por Demba Ba, o alvinegro trouxe o zagueiro Yanga-M’biwa, que foi campeão com o Montpellier na temporada passada. No dia 24 de janeiro, o meia-atacante Gouffran, do Bordeaux, o volante Moussa Sissoko, do Toulouse, e o defensor de 19 anos Haidara, do Nancy, fecharam com o time de St. James Park.

 

Samba durante a sua apresentação no QPR (Foto: Getty Images)

Com um dos times mais charmosos, por conta de seus memoráveis jogadores que já tiveram seus nomes em grandes times, o QPR também recorreu ao mercado francês para tentar solucionar o seu problema ofensivo. Por 10,5 milhões de euros, os londrinos compraram Loic Remy do Olympique de Marselha. Já para ajudar o goleiro Julio Cesar, o técnico Harry Redknapp trouxe o zagueiro Christopher Samba por 15 milhões de euros. O congolês estava no Anzhi, da Rússia. Ben Haim, aquele mesmo que apareceu para o futebol no Chelsea, e o volante Jenas, do Tottenham, também foram contatados. Por outro lado, Djibril Cissé se transferiu por empréstimo ao Al-Gharafa do Qatar: o atacante jogará ao lado de Nenê, ex-PSG, e Diego Tardelli, que tem seu retorno ao Atlético-MG especulado.

Destaque do Cristal Palace, Zaha irá para os Reds Devils na próxima temporada (Foto: Action Images)

 

Já os times de Manchester, que dominam o Campeonato Inglês, decidiram não gastar dinheiro na janela de inverno. O líder United até acertou a contratação da joia inglesa Wilfried Zaha pelo valor de 11,7 milhões de euros, porém, o meia-atacante chegará apenas para a próxima temporada. O City por sua vez, só apareceu nas manchetes esportivas por conta da venda de Mario Balotelli ao Milan.

Nacho Monreal posa para fotos na sua apresentação (Foto: Getty Images)

Os rivais de Londres também pouco se moveram em janeiro. O técnico Arsenè Wenger, que gostaria da extinção desta janela de inverno, trouxe apenas o lateral esquerdo espanhol Nacho Monreal, do Málaga, por 10 milhões de euros. Já o Tottenham contratou uma das promessas do futebol alemão, o meia armador Holtby do Schalke 04, por 1,7 milhões de euros. Os Spurs emprestaram o goleiro Gomes ao Hoffenheim da Alemanha até o final da temporada.

Promessa alemã já treina em Londres (Foto: Getty images)

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: