Estrela de Barcos brilha novamente e Palmeiras vence o Cruzeiro

20 10 2012

Com dois gols do atacante argentino, o Palmeiras venceu o Cruzeiro por 2 a 0 e segue vivo na luta contra o rebaixamento

Por Stéfano Bruno

HOME Gol do Barcos - Palmeiras x Cruzeiro (Foto: Eduardo Viana)

Com dois gols na partida, Barcos foi o grande destaque do Palmeiras no duelo contra o Cruzeiro (Foto: Eduardo Viana/Lancenet)

O Palmeiras deu mais um importante passo na luta contra o rebaixamento e venceu o Cruzeiro na noite deste sábado (20), por 2 a 0. Destaque para o atacante argentino Hernán Barcos, autor dos dois gols da vitória palmeirense.

A partida não foi muito boa tecnicamente e os gols só saíram no segundo tempo. Aos 21min, após cobrança de falta, Barcos subiu entre os defensores e cabeceou para o fundo do gol. Dez minutos depois, o atacante argentino recebeu bom passe de Obina, invadiu a área e, de cavadinha, tocou na saída de Fábio.

Próximos jogos

O Palmeiras volta a campo no próximo sábado (27), onde vai a Porto Alegre encarar o Internacional, às 16:20 (de Brasília). Já o Cruzeiro vai a Campinas encarar a Ponte Preta, na quinta-feira (25), às 22h (de Brasília).

Crônica da partida

Os primeiros minutos do duelo entre Palmeiras e Cruzeiro foram sem emoção, com a equipe mineira se limitando apenas a manter a posse de bola. Aos cinco minutos, o meia Souza arriscou uma finalização de fora da área, mas a bola passou a esquerda do gol defendido por Bruno, sem perigo para o goleiro palmeirense.

Aos 16min, Marcos Assunção cobrou falta da entrada da área, Fábio falhou e, no rebote, Barcos apareceu para empurrar a bola para a rede, mas a defesa celeste apareceu a tempo de afastar o perigo.

Quatro minutos depois foi à vez de o Cruzeiro voltar a assustar a equipe alviverde. Souza recebeu a bola na entrada da área e deu bela assistência para o Anselmo Ramon. Mesmo caindo, o atacante celeste bateu cruzado, no contrapé do goleiro Bruno, que fez ótima defesa.

A partida seguia presa ao meio-campo, com o Cruzeiro buscando mais as jogadas de ataque, mas encontrando muitas dificuldades para entrar na defesa palmeirense. Já o Palmeiras buscava as jogadas de bola parada e as finalizações de longa distância, mas faltava caprichar mais nas jogadas.

Melhor na partida, o Cruzeiro quase abriu o placar aos 34min. Martinuccio recebeu boa bola na esquerda e cruzou rasteiro, para o Anselmo Ramon. O atacante deu um carrinho para alcançar a bola, que acertou a trave esquerda de Bruno.

A primeira etapa seguiu até o fim presa no meio-campo, com as equipes encontrando muitas dificuldades para finalizar.

Segundo tempo

A segunda etapa começou no mesmo ritmo que o primeiro tempo, e a primeira grande chance só foi acontecer aos 16min. Voltando de contusão, Wesley recebeu a bola na entrada da área, ganhou do seu marcador e bateu firme para o gol. Fábio, bem posicionado, faz a defesa.

Cinco minutos depois a equipe da casa abriu o placar. Jogando no sacrifício, já que estava com o joelho inchado e mancando bastante, Marcos Assunção cobrou falta pela direita e Barcos subiu entre a zaga para cabecear para o fundo do gol. 1 a 0.

O gol mudou a partida. O Cruzeiro que procurava tocar a bola e segurar a posse de bola passou a agredir mais a equipe alviverde, que procurava se segurar e sair em contra-ataque.

ALEX SILVA/ESTADAO CONTEUDO SP

Em noite apagada, Martinuccio não conseguiu repetir as boas atuações que vinha tendo com a camisa do Cruzeiro (Foto: Alex Silva/Estadão)

A estratégia palmeirense deu resultado, e aos 31min a equipe da casa ampliou o placar. Obina recebeu a bola na entrada da área e deu belíssima assistência para Barcos. O atacante argentino invadiu a área e, na saída de Fábio, tocou de cavadinha para fazer um lindo gol. 2 a 0.

Após o segundo gol, o Palmeiras passou apenas a administrar o resultado, enquanto o Cruzeiro tentava diminuir o resultado. Aos 41min, após levantamento na área a bola sobrou para Thiago Carvalho. O zagueiro dominou e bateu no canto esquerdo de Bruno, que fez grande defesa.

Nos minutos finais o Palmeiras procurou apenas se defender para assegurar mais uma importante vitória na luta contra o rebaixamento.

PALMEIRAS 2 X 0 CRUZEIRO

Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Data-Hora: 20/10/2012 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)
Auxiliares: Dibert Pedrosa Moises(RJ) e Wagner de Almeida Santos (RJ)
Renda e público: R$ 277.420,00 / 9.873 pagantes
Cartões amarelos: Willian Magrão, Mauricio Ramos (PAL), Everton, Thiago Carvalho, Anselmo Ramon (CRU),
Gols:  Barcos, aos 21’/2ºT (1-0) e Barcos, aos 32’/2ºT (2-0)

PALMEIRAS: Bruno; Artur, Maurício Ramos, Henrique, Leandro, Márcio Araújo, Marcos Assunção, Patrick Vieira, Luan (Obina 17’/2ºT), Betinho (Wesley 11’/2ºT)  e Barcos (Tiago Real 42’/2ºT). Técnico: Gilson Kleina

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Mateus, Thiago Carvalho, Everton; Leandro Guerreiro, Marcelo Oliveira, Willian Magrão (Tinga 14’/2ºT) , Souza (Borges 30’/2ºT); Anselmo Ramon e Martinuccio (Elber 30’/2ºT) . Técnico: Celso Roth

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: