Em noite fabulosa, São Paulo goleia o Botafogo no Morumbi e encosta no G-4

30 08 2012

Na noite em que Luis Fabiano completou 200 jogos, a equipe são paulina deu show no Morumbi e embalou a terceira vitória consecutiva no torneio

                                                                                                                  Por Leonardo Perri

Lucas teve boa atuação na goleada tricolor (Foto: Wagner Carmo / Vipcomm)

O jogo era de festa para o torcedor são paulino que estava na expectativa para ver o jogo de número 200 de Luis Fabiano com a camisa tricolor. E o presente proporcionado pela equipe na noite desta quinta-feira(30) não podia ser melhor. Com uma atuação como a tempos não se via e um golaço do dono da noite, o São Paulo bateu o Botafogo pelo placar de 3 a 0 e encostou de vez no G-4 da competição.

O resultado deixou a equipe do Morumbi no 5° lugar, a um ponto da zona de classificação para a Libertadores com 34 pontos, um amenos que o Vasco. Já o Botafogo, com a derrota, continuou no 8° lugar com 29 pontos. Na próxima rodada, o São Paulo vai ao Pituassu enfrentar o Bahia enquanto o Botafogo recebe o Coritiba no Engenhão.

Em clima de comemoração pelos 200 jogos de Luis Fabiano com a camisa do São Paulo, o time do Morumbi começou com tudo e logo abriu o placar. Aos 5 min, em bela enfiada de bola de Jadson, Luis Fabiano recebeu, deu lindo drible em Brinner e ainda driblou o goleiro Jefferson antes de completar para o fundo das redes. Foi o décimo do gol do artilheiro em dez jogos nesse Brasileirão.

O gol animou o time da casa que continuou atacando o Botafogo em busca do segundo gol. Com a bola o tempo todo nos pés e com uma marcação agressiva, os jogadores do São Paulo tomavam a bola e chegavam com perigo a todo instante. A equipe carioca por sua vez, dava muitos espaços para o São Paulo armar as jogadas. Aos 15 min, Maicon enfiou para Luis Fabiano que chutou por cima da meta alvinegra.

O São Paulo continuava criando oportunidades para ampliar o placar e por pouco Lucas não anotou um golaço no Morumbi. Aos 23 min, ele dominou a bola na entrada da grande área, passou por quatro marcadores botafoguenses e chutou para ótima defesa de Jefferson, que fechou o ângulo do garoto evitando o segundo gol.

A jogada mais perigosa do Botafogo na primeira etapa aconteceu em um lance em que os cariocas reclamaram um pênalti não marcado. Seedorf achou Cidinho pela direita. O garoto foi desarmado por  Rhodolfo que roubou a bola mas logo em seguida acabou perdendo a dividida e derrubou o jogador alvinegro dentro da área. O juiz mandou seguir o lance.

No fim da primeira etapa, a equipe botafoguense até conseguia tocar mais a bola no campo de ataque levando sustos à defesa tricolor. Mas, nos contra-ataques, o São Paulo encontrava os espaços e nos últimos cinco minutos criou quatro boas chances de ampliar o placar em chutes de Maicon, Jadson, Lucas e Luis Faiano, todos defendidos por Jefferson que era o melhor em campo.

Antes da partida, Luis Fabiano recebeu homenagem pelos 200 jogos completados (Foto: Tom Dib)

Na volta para o segundo tempo, o Botafogo chegou pela primeira vez com perigo ao gol de Rogério Ceni. Logo no primeiro minuto, em cobrança de falta de Seedorf, Elkeson cabeceou com estilo para boa defesa do goleiro são paulino.

O Botafogo dava sinais que podia se recuperar na partida mas o São Paulo tratou logo de botar fim a essa reação e fez logo dois gols para liquidar a fatura. Primeiro com Osvaldo, que aproveitou rebote de Jefferson em chute de Luis Fabiano e completou com o gol vazio. E o segundo gol veio em bela jogada de Lucas que arrancou pela esquerda, passou por um marcador e mandou de fora da área para anotar um belo gol.

Com a ótima vantagem construída, o time do São Paulo passou a trocar passes esperando o tempo passar aos gritos de “Olé” que vinham das arquibancadas do Morumbi. Ney Franco ainda promoveu o retorno do garoto Wellington, que estava parado a oito meses no lugar de Maicon.

Ainda deu tempo para o São Paulo completar a excelente atuação com mais um gol. Aos 43 min, em bola de Cícero para Osvaldo,  o atacante saiu na cara de Jefferson, driblou o goleiro e só rolou para Cícero, sem ninguém pela frente rolar para o gol vazio e fechar a ótima goleada do time no Morumbi.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 4 X 0 BOTAFOGO
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/hora: 30/8/2012, às 21h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Carlos Berkenbrock (Fifa-SC) e Fabio Pereira (TO)
Cartões amarelos: Luis Fabiano (SPO); Amaral (BOT)

Gols: Luis Fabiano, 5’/1ºT (1-0); Osvaldo, 13’/2ºT (2-0); Lucas, 15’/2ºT (3-0); Cícero, 43’/2ºT (4-0)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Douglas, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Paulo Assunção (Osvaldo, 8’/2ºT), Denilson, Maicon (Wellington, 18’/2ºT) e Jadson; Lucas e Luis Fabiano (Cícero, 31’/2ºT). Técnico: Ney Franco.

BOTAFOGO: Jefferson; Lennon (Gabriel, 18’/2ºT), Brinner, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Amaral, Renato, Lodeiro, Seedorf (Jeferson, 21’/2ºT) e Cidinho (Willian, 16’/2ºT)); Elkeson. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: