Em momentos distintos, Atlético-MG e Cruzeiro escondem o jogo para o clássico

26 08 2012

Com treinamentos secretos ao longo da semana, Cuca e Celso Roth deixam dúvidas no ar e as escalações só serão divulgadas momentos antes da partida

Por Stéfano Bruno

Soraia Piva e Alexandre Guzanshe e Marcos Michelin/EM/D. A Press

Montillo e Ronaldinho Gaúcho travaram um duelo a parte neste domingo. Quem levará a melhor? (Foto: Soraia Piva e Alexandre Guzanshe e Marcos Michelin/EM/D. A Press)

Após ficar mais de dois anos sem sediar o maior clássico do estado, Belo Horizonte volta a ser palco de mais um Atlético e Cruzeiro. Neste período foram disputados oito clássicos, sendo sete na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas e um no Parque do Sabiá, em Uberlândia.

Apesar do duelo deste domingo, às 18:30, no Independência, estar voltando a ser realizado na capital mineira, a medida de segurança adotada nos confrontos realizados no interior será mantida e o clássico contará apenas com a torcida da equipe mandante, que neste caso é o Cruzeiro.

Atlético e Cruzeiro fazem campanhas distintas neste Campeonato Brasileiro. Enquanto o Galo é o líder da competição e busca uma vitória para manter a diferença de três pontos para o Fluminense, que venceu o clássico com o Vasco neste sábado (25), a Raposa busca se reabilitar da goleada sofrida para o Coritiba e se reaproximar do G4.

Atlético: Danilinho ou Guilherme?

Danilinho no treino do Atlético-MG (Foto: Leonardo Simonini / Globoesporte.com)

O Atlético pode ter a volta do meia-atacante Danilinho (Foto: Leonardo Simonini/Globoesporte.com)

A grande dúvida do técnico Cuca é quanto a escalação de Danilinho ou Guilherme na equipe. Um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda, tirou Danilinho das partidas contra o Coritiba, Vasco, Atlético-GO e Botafogo. Com isso, Guilherme vinha sendo o seu substituto, exceto na partida contra o Botafogo, em que o atacante estava suspenso. Durante a semana, Cuca garantiu que leva apenas essa dúvida para o vestiário. “Vocês sabem qual é o time. Não tem o que esconder. A minha dúvida é entre Danilinho e Guilherme”, disse o treinador alvinegro.

Líder da competição com 42 pontos, o Atlético não tem nenhum jogador no departamento médico, e o único desfalque da equipe é o meia argentino Escudero, que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Mas o jogador é reserva da equipe.

Questionado sobre um possível favoritismo do Atlético, devido a grande campanha que a equipe vem fazendo, Cuca preferiu se manter cauteloso e disse que as duas equipes tem condições de sair de campo com a  vitória. “Sempre a gente tem a ideia de um jogo igual, mesmo sendo mando do adversário, que terá apenas o seu torcedor no estádio. Mas estamos preparados para um jogo difícil, de dois times grandes, que qualquer um pode vencer”, disse o treinador.

A provável escalação do Atlético será: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver e Júnior César; Pierre, Leandro Donizete, Bernard, Ronaldinho e Danilinho (Guilherme); Jô.

Cruzeiro: escalação, somente no vestiário

Torcida do Cruzeiro faz protesto em frente à Toca da Raposa II (Foto: Sílvia Volpini / Globoesporte.com)

Torcedores do Cruzeiro fizeram protesto em frente à Toca da Raposa II e exigiram vitória no clássico deste domingo (Foto: Sílvia Volpini/Globoesporte.com)

Com uma campanha instável e pressionado pelo seu torcedor, que protestou sábado (25), em frente a Toca da Raposa, o Cruzeiro do técnico Celso Roth, só será conhecido momentos antes da partida.

Com um retrospecto espetacular sobre o maior rival, a Raposa espera manter a escrita, vencer o clássico e se reaproximar do G4. Nos últimos 20 clássicos em que houve um vencedor, o Cruzeiro venceu 16, sendo dois por 5 a 0 e um por 6 a 1.

Rodrigo Clemente/EM/D.A Press

Borges segue como dúvida para o clássico. O atacante celeste será reavaliado no vestiário (Foto: Rodrigo Clemente/EM/D.A Press)

Mesmo considerando a sua campanha irregular, o técnico Celso Roth espera o apoio da torcida neste domingo. “Espero que sim, apesar do nosso momento irregular. O torcedor do Cruzeiro é acostumado a grandes títulos, diferente da torcida rival. A história do Cruzeiro recente é absolutamente diferente da do rival. Estamos com campanha razoável, e nesse momento do rival melhor, precisamos do torcedor junto”, disse o treinador.

Apesar de terem sido relacionados, Borges e Ceará seguem como dúvidas para o clássico. Já o zagueiro Victorino, com uma pancada na costela, foi vetado pelo departamento médico. Wellington Paulista, Charles e Souza, estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo e também desfalcam a Raposa no grande clássico.

O possível Cruzeiro para o clássico deve ser: Fábio; Ceará (Leo ou Diego Renan), Leo (Rafael Donato), Thiago Carvalho e Everton; Leandro Guerreiro, Lucas Silva, Tinga e Montillo; Fabinho (Anselmo Ramon) e Borges.

Cruzeiro x Atlético

Cruzeiro: Fábio, Ceará (Leo ou Diego Renan), Leo (Rafael Donato), Thiago Carvalho e Everton; Leandro Guerreiro, Lucas Silva, Tinga e Montillo; Fabinho (Anselmo Ramon) e Borges.
Técnico: Celso Roth

Atlético: Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver e Júnior César; Pierre, Leandro Donizete, Bernard, Ronaldinho e Danilinho (Guilherme); Jô.
Técnico: Cuca

Motivo: 19ª do Campeonato Brasileiro
Estádio: Independência, em Belo Horizonte
Data: 26 de agosto, domingo, às 18h30
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Assistentes: Márcio Eustáquio Santiago (MG) e Guilherme Dias Camilo (MG)

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: