#JFCemLondres: Em um jogo fraco tecnicamente, Leandro Damião salva e classifica a seleção para a semifinal

4 08 2012

Em mais uma partida abaixo das expectativas, Brasil leva susto de Honduras, mas consegue a classificação nos jogos Olímpicos de Londres

Por: Gustavo Soler

Leandro Damião foi o nome do Brasil no jogo (Foto: Agência AP)

Neste sábado (04), a seleção masculina de futebol enfrentou a seleção de Honduras. Com a eliminação das meninas do Brasil, o time masculino é a esperança da tão sonhada medalha de ouro Olímpica no futebol. O palco do jogo foi o estádio do Newcastle, o St James’ Park. O Brasil não mostrou um bom futebol, mas conseguiu vencer graças à presença de Leandro Damião, que marcou dois gols e sofreu o pênalti do gol de Neymar. Final de jogo: 3 a 2 e Brasil classificado para a semifinal.

Com extremo favoritismo, o Brasil começou melhor no jogo. No primeiro minuto de jogo, Leandro Damião recebeu lançamento de Marcelo, mas na hora da finalização, o atacante perdeu o gol. Com dez minutos, Oscar achou Neymar passando por trás da zaga. O camisa 11 recebeu, mas já estava pressionado pelo goleiro e não conseguiu concluir para o gol. No lance seguinte, Espinoza avançou pela esquerda, deu um “senhor drible” para cima de Sandro e tocou para dentro da área buscando Figueroa. O camisa 3 de Honduras deu uma canelada na bola, mas ela sobrou para Martinez que emendou de três dedos de primeira e mandou na gaveta, abrindo o placar em um golaço.

A seleção hondurenha cresceu no jogo. Com 13 minutos, Figueroa bateu falta com muito efeito, porém Gabriel estava bem posicionado e fez a defesa. O Brasil tentou reagir em grande estilo com uma bicicleta de Leandro Damião, mas a bola foi longe do gol. Com o time errando muito, Neymar tentou sozinho, em uma grande jogada individual. O camisa 11 encontrou Hulk livre: o atacante do Porto tentou o passe para Damião, mas a defesa cortou. Mesmo jogando muito mal, a seleção brasileira contou com a irresponsabilidade do lateral Crisanto, que aos 34 min da primeira etapa levou o segundo amarelo e foi expulso de campo.

Neymar era o nome brasileiro do jogo. Em mais uma jogada individual, o atacante do Santos tocou para Hulk. O camisa 12 cruzou, a zaga hondurenha vacilou, e em um lance de extremo oportunismo, Leandro Damião se jogou de carrinho para empurrar a bola para dentro do gol, empatando a partida.

Aos 39 min, Marcelo mandou uma bomba cheia de efeito de fora da área, e Mendonza fez a defesa. Mano Menezes percebeu a desorganização do time no meio campo e tirou o amarelado Sandro para colocar Danilo. Nos últimos momentos do primeiro tempo, o Brasil fez uma boa trama no meio campo até a bola chegar na direita para Rafael. O lateral cruzou, mas o goleiro hondurenho mandou para escanteio.

O segundo tempo começou mal para a seleção brasileira. Aos dois minutos, Honduras marcou o segundo gol. Espinoza driblou Juan, puxou para a perna esquerda e bateu no cantinho do goleiro Gabriel, que demorou muito para cair na bola.

No minuto seguinte, Leandro Damião, em outro lance isolado do jogo e de rara felicidade, se jogou dentro da área. O árbitro Felix Brych assinalou o pênalti. Na cobrança, Neymar bateu bem e empatou novamente o confronto.

Aos 14 min, Damião mostrou que o espirito do futebol de várzea ainda está com ele. Depois de receber um passe de Neymar, o camisa 9 brigou com o zagueiro, conseguiu girar e deu um chute certeiro para virar o jogo: 3 a 2 Brasil.

Aos 19 minutos, a defesa brasileira quase se complicou sozinha. Após cobrança de escanteio, Gabriel saiu mal do gol, a bola bateu em Rafael e ficou viva na área até Thiago Silva mandar pra fora. Depois de sofrer a virada, o ritmo de jogo de Honduras caiu. Com poucas chegadas ao ataque, o time hondurenho contava com as cobranças de falta de muito longe de Figueroa que não levavam muito perigo. A partida foi se arrastando até o final com ambas as equipes não querendo jogo. Aos 44, Espinoza fez uma falta besta, leva o segundo amarelo e é expulso de jogo.

FICHA TÉCNICA
BRASIL 3×2 HONDURAS

Local: St. James’ Park, Newcastle upon Tyne (ING)
Data-Hora: 04/08/2012 – 13h (de Brasília)
Árbitro: Felix Brych (ALE)
Cartões amarelos: Velasquez (HON), Crisanto (HON), Espinoza (HON), Sandro (BRA), A. Peralta (HON), Rômulo (BRA), Figueroa (HON), Leandro Damião (BRA), Marcelo (BRA),
Cartões vermelhos: Crisanto (HON)
Gols: Martínez (12′ do 1º tempo), Leandro Damião (37′ do 1º tempo e 15′ do 2º tempo), Espinoza (3′ do 2º tempo), Neymar (5′ do 2º tempo)

BRASIL: Gabriel, Rafael, Juan, Thiago Silva e Marcelo; Sandro (Danilo – 41′ do 1º tempo), Rômulo e Oscar; Hulk (Lucas – 21′ do 2º tempo), Neymar e Leandro Damião (Pato – 43′ do 2º tempo) Técnico: Mano Menezes.

HONDURAS: Mendoza, Crisanto, Figueroa, Leveron e Velasquez; A. Peralta, Martínez, O. Peralta (Mejia – 13′ do 2º tempo), Espinoza e Garrido (Lopez – 27′ do 2º tempo); Bengston (Lozano – 42′ do 2º tempo) Técnico: Luis Suarez.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: